História do Esporte

O Futsac é um esporte de origem brasileira e paranaense, criado na cidade de Curitiba.

Seu idealizador, professor Marcos Juliano Ofenbock, conta que a inspiração veio de um intercâmbio que fez na Austrália em 1998. Foi um colega de quarto neozelandês que lhe mostrou uma bolinha de HackySack/Footbag, um esporte praticado nos Estados Unidos, Europa e Austrália, porém pouco conhecido no Brasil.

O neozelandês ficou surpreso com o desconhecimento do HackySack/Footbag  da parte  Marcos Juliano, e fez uma pergunta que foi o grande catalisador da criação do Futsac: – No país do futebol, não existe esse esporte?

Marcos Juliano trouxe uma bolinha para o Brasil e aqui começou a fazer adaptações na pequena bolinha, inclusive aprendeu a arte do crochê e começou a costurar os primeiros protótipos do Futsac.

O professor Marcos Juliano batizou o esporte de Futsac, no ano de 2002.

Uma Associação de Crocheteiras, a Associação Curitibana de Crochê, foi especialmente criada em 2006, para a confecção das bolinhas, gerando uma contra partida de grande responsabilidade social.

O recheio do Futsac é feito com plástico granulado reciclado granulado, o plástico é uma das grandes questões ambientais, pois demora cerca de 150 anos para decompor-se na natureza, assim o Futsac também carrega uma grande responsabilidade ambiental.

O Futsac é uma mistura de Futevôlei, Tênis e Futebol, praticado em uma quadra que mede 5 m de largura x 10 m de comprimento com uma rede divisória de 1,5 m de altura.

Pode ser jogado na modalidade Individual ou duplas, e o objetivo é derrubar a bolinha no campo adversário. São disputados três sets de 21 pontos corridos.

Não pode ser tocado com as mãos, sendo permitido o uso dos pés, pernas, tronco, cabeça e ombros. É permitido dar dois toques na bolinha modalidade individual e cinco toques na modalidade duplas.  Uma partida de Futsac dura em torno de 30 minutos.

O primeiro campeonato da história de FUTSAC foi realizado no ano de 2007.

A Prefeitura de Curitiba reconheceu o esporte em 2010, com a construção das primeiras quadras públicas de Futsac no Parque Barigui, as quadras estão localizadas na parte de trás do parque, ao lado da torre de tijolos.

Atualmente já forma realizados mais de 80 grandes campeonatos de Futsac, o esporte está organizado com três Federações estaduais, no Rio grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Em 2012 foi criada a Confederação Brasileira de Futsac- CBFSAC.

A cerimônia de oficialização do Futsac aconteceu na Praça Oswaldo Cruz, em Curitiba no dia 29 de março de 2014, aniversário da cidade.

Contou com a presença do Prefeito de Curitiba Gustavo Fruet; do Secretário de Estado de Esporte e Turismo do Paraná, Evandro Roman; do Diretor de Futebol do Ministério do Esporte, Ricardo Gomyde; do Presidente do CREF9/PR Antonio Eduardo Branco; dos Vereadores Felipe Braga Côrtes e Cristiano Santos, além dos Presidentes das Federações e Confederação de Futsac.

O FUTSAC foi oficialmente reconhecido pelo Ministério do Esporte.

O FUTSAC foi reconhecido pelo Conselho Federal de Educação Física, CONFEF.

O ano de 2015, a lei do FUTSAC foi aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal de Curitiba.

Em 14 de março de 2016 a Lei do FUTSAC foi aprovada na Assembléia Legislativa do estado do Paraná.

Com a aprovação desta lei, o FUTSAC se tornou oficialmente o 1° esporte da história criado no estado do Paraná.

Em 18 de junho de 2016 o livro contando a história do FUTSAC, O Nascimento de um Esporte, escrito por Marcos Juliano, é lançado nas livrarias Curitiba.

 O livro expõe a origem da modalidade, que surgiu a 15 anos no estado, com o professor Marcos Juliano costurando as primeiras bolinhas. As regras oficiais são publicadas de maneira oficial pela primeira vez.

O Futsac Entrou na matriz curricular de educação física da Secretaria de Educação estadual em 2017.

O Futsac entrou para o acervo do Museu Paranaense em 2017, como um patrimônio cultural do estado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *